Só acaba
Quando não couber
Nenhuma faísca no olho
Nenhum abraço no corpo


Nenhum gole de ar no espanto
Nenhum, nem nada
De escuro ou brasa
Na estrada do encontro.

Antonio Hélio (Escritor Parceiro).

 

– – – – – – – – – – – – – – – – –

Um pouco sobre ele: “Escrevo desde adolescente como forma de respirar melhor no mundo. Sou analista de sistemas por profissão, mas a escrita sempre esteve muito ativa em meu cotidiano. Nordestino de Sobral-CE, vim pequeno para São Paulo com irmãos e pais para tentar a vida e ainda continuo tentando. Algumas perdas e ganhos no caminho me fizeram entender que nossa oportunidade de criar a saudade do amanhã, existe somente no agora. A poesia é de quem lê, costumo dizer (mas leia os créditos também rs), e isso me impulsiona a continuar escrevendo. Tenho planos de escrever um livro de poesia esse ano, em memória do meu sogro que faleceu ano passado, Sr. Elio. Enquanto isso, a gente se expande e derrete na leitura de toda gente que nos acerta.”

Página: www.facebook.com.br/amuletopoetico