Palavra não serve pra nada.
Se serve é só um momento.
Depois de gasta, desgasta.
É tudo perda de tempo.

Tá tudo incerto comigo.
A sorte no jogo ao contrário.
O amor não nasce invertido,
Mas deixa o mundo trocado.

Acabam as horas da vida.
No fim, sou eu quem me acabo.
Sozinha, eu sigo perdida.
Espero, e tento. E não acho.

Princesa-boneca, respira!
Não seja rebelde sem causa.
Um mundo parado não gira
Relaxe e dê uma volta.

Não fique a toa, se vista.
Reveja seu erro e aprenda.
No jogo do amor não invista.
Não deixe jamais que te prenda.

Palavra não serve pra nada.
Se serve é só um momento.
Depois de gasta, desgasta.
É tudo perda de tempo.

Camila Barretto.