Beleza mesmo é simpatia, porque ninguém se apaixona por seios. No máximo, aperta, lambe, chupa, mas sentir saudade, passar noites pensando, ninguém faz isso por seios. Beleza mesmo é doçura e personalidade, que ninguém perde a cabeça por causa de coxas grossas, ninguém fica desconcertado e sem palavras só por uma cruzada de pernas.


Beleza mesmo é inteligência e capacidade de argumentar. Pois cabelos macios qualquer chapinha dá jeito, qualquer ida ao salão, ou um make bem produzido. Porque beleza mesmo é quando ela é parceira e topa as aventuras mais simples e loucas, desde atravessar uma trilha no meio do nada até passear pelo centro de mãos dadas, que roupas de moda podem ser compradas, mas uma beleza diferente ainda vale muito.

Beleza mesmo é aquela compreensão da vida, aquela ausência de sentimentos ruins, e não tem nada a ver com bunda grande, que só serve pra excitar, e talvez muito, e provocar alucinações visuais. Tesão passa, volta, mas passa de novo. E no final, o que resta é a beleza genuína de uma pessoa.

Beleza mesmo é quando ela trata a todos da mesma forma, desde o dono da empresa até o bêbado que pediu umas moedas na rua, porque no fundo são todos iguais, e ninguém liga pro tamanho do salto que ela usa durante a noite porque ela sabe descer sempre que precisar.

Vini Severo (Escritor Parceiro)

 

– – – – – – – – – – – – – – – – –
Um pouco sobre ele: Vinícius Severo, 32 anos, nascido e forjado no Rio Grande do Sul. Curso História e trabalho como jornalista. Não sei se o gosto pela leitura veio antes ou depois do delírio que tenho por boas conversas. E quando não estou em uma mesa de bar, alucinado em assuntos aleatórios com os amigos, converso com as palavras que se transformam em poesias, versos ou contos.

Página: www.facebook.com/textosdovinisevero.