Por dentro,
sou explosão de desejo.
Saudade corrosiva.
Vontade de te jogar na parede
e dominar seus instintos.

Por dentro,
sou felina caçando seu corpo,
mulher viciada em seu gosto,
sou libido faminta por beijos,
implosão do juízo que me resta.

Por dentro,
sou vontade de dar colo depois da transa.
Sou beijos leves no pescoço,
puxão gostoso no cabelo,
massagem carinhosa nas costas.

Por dentro,
sou perfume que gruda na pele,
sou anjo que vela seu sono,
sou sua,
sou nossa.

Por fora,
sou silêncio sagrado e segredo.
Sou ansiedade controlada,
expectativas quebradas e
reinvenção da paciência perdida.

Sou espera por sua ligação desligada,
por sua mensagem apagada,
por seu bem-querer não me querendo.

Por fora,
sou aquela mulher que você pensa que controla,
confronta, ignora.
Mas por dentro…
ah… por dentro!

Sou o incêndio que se alastra em seu peito,
mas que ora te deixa impassivo,
ora te queima em minha chama.
Sou, simplesmente, a explosão do meu desejo,
o incêndio que você ama.

Camila Barretto