Procurei em outros abraços o encaixe macio dos seus braços. Em outros pescoços, seu cheiro amadeirado e sutil. Busquei em outras conversas, seu jeito atrevido de conseguir chamar minha atenção. Procurei seu riso em várias bocas, o magnetismo do seu toque em outras mãos, seu jeito de olhar em outras expressões. Procurei em vão, porque nunca encontrarei, nos outros, o que de fato, te pertence. E só você, meu bem, faz do jeito que eu gosto. Um jeito que é só nosso.

Quando estou contigo, meu mundo fica incrível. O meu querer  se eleva ao cubo, e meu desejo ultrapassa as barreiras dos nossos lençóis. Não existe eufemismo para atenuar as sensações que você me causa. Você, simplesmente f*** comigo. Não existe sinônimo que substitua o fato de você me destruir em pedacinhos, com sua sede de embrenhar-se em meu corpo, pouco a pouco. Você me inunda com firmeza e com carinho, penetra em minha mente, devagarzinho, e se perde nas profundezas obscuras dos meus mais pérfidos pensamentos.

Com você, sou dona das fantasias mais ousadas. Com você, permito-me ir mais além. Por isso, vem. Vem ser feliz comigo. Confessa que você também sente as coisas loucas que eu sinto. Mas, se quiser partir pra ter certeza do que sente, parte logo! Procura em outros abraços o encaixe macio dos meus braços. Em outros pescoços, meu cheiro adocicado e sutil. Busca em outras conversas, meu jeito atrevido de conseguir chamar sua atenção. Busca, sem sucesso, meu riso em várias bocas, o magnetismo do meu toque em outras mãos, meu jeito de olhar em outras expressões.

Procura por aí, mas volta.

Eu sei que você volta… Volta, pois nunca encontrará, nas outras, o que de fato, me pertence.

É que só eu, meu bem, faço de um jeito que é só nosso. O jeito louco que é só nosso e de mais ninguém.

 

 

Camila Barretto.

 

“Este texto faz parte da 2ª edição do Desafio das Palavras (Camila Barretto x Giulia Christy) – um jogo proposto com o objetivo de versar sobre temas vindos de fora pra dentro; inspirar-se ao contrário. Duas escritoras, cada uma com seu olhar sobre o tema/título.”